Indicações x Premiação: onde estarão as surpresas?

012866463-ex00.jpg

Durante todo o período da temporada de prêmios de cinema, o momento mais interessante pra mim sempre foi o atual, onde ninguém sabe exatamente quem vai ser indicado e pelo menos 10 filmes, 10 atores e uns 8 atores diretores podem aparecer indicados em suas respectivas categorias no Oscar. E aí, logo depois que as indicações saem, fica bem fácil saber quem vai ganhar.

Neste ano a situação está diferente. Todos parecem estar bem certos que os cinco indicados a melhor filme serão O CAVALEIRO DAS TREVAS, FROST/NIXON, MILK, BENJAMIN BUTTON e SLUMDOG MILLIONAIRE. Se forem esses mesmos os indicados (e a crítica e os prêmios de seus sindicatos indicam isso), ja vai ser uma lista bem interessante. Dos cinco, dois seguem a fórmula de filmes indicados da academia: a mega-produção com estrelas de primeira grandeza (BENJAMIN BUTTON) e o filme de pedigree baseado em peça de teatro premiada (FROST/NIXON).

Os outros indicados fugiriam da fórmula do Oscar. SLUMDOG é sim um filme inglês com uma mensagem positiva (coisa que a academia adora), mas tem atores não-americanos e a Índia como cenário. MILK é sim uma cine-biografia, mas sobre um ícone gay que não tinha nenhuma crise de identidade com relação a sua homossexualidade. E, ainda mais chocante, O CAVALEIRO DAS TREVAS é um filme de super-herói baseado em quadrinhos, que ainda é uma continuação cujo primeiro filme não foi sequer indicado.

Se forem esses mesmos os indicados, acredito que a surpresa então ficará por conta de quem vai ganhar. E isso acontece também em outras categorias. Os filmes provavelmente terão seus respectivos diretores indicados (a não ser que Darren Aronofsky corra por fora). Na categoria de ator, também os indicados já estão decididos, com o duelo entre Mickey Rourke e Sean Penn prestes a começar. Na categoria de atriz, Kate Winslet, Anne Hathaway e Meryl Streep estão palmo a palmo (com Winslet ne frente com uma série de indicações e nenhuma vitória). Na categoria de atriz coadjuvante, Winslet também cresce ameaçando a favoritíssima Penelope Cruz.

E com tanta polarização, será que o fenômeno ‘voto dividido’ ocorrerá? Com votantes pensando apenas em Winslet e Cruz, ou Penn e Rourke, haveria chance para Viola Davis ou Leonardo DiCaprio? Só quem parece ter o prêmio realmente garantido é Heath Ledger por O CAVALEIRO DAS TREVAS.

Quinta-feira que vem teremos a certeza dos indicados. Mas, diferente dos outros anos, depois que o momento de maior suspense vai começar.

Esta entrada foi publicada em 24 quadros por segundo, Meu amigo Oscar. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s