Top Ten – Atuações em blockbuster

Depois do trailer do DARK KNIGHT, todo mundo anda dizendo que o Heath Ledger está maravilhoso como Coringa. Se a promessa se confirmar, não vai ser a primeira nem a última vez que veremos uma grande atuação num filme-pipoca. Isso prova que nem sempre de filmes de época e papéis de deficientes mentais vivem grandes atuações – elas podem surgir no meio de cenas de ação ou efeitos especiais. Aqui vão as minhas dez favoritas:

10- Jamie Lee Curtis em TRUE LIES

Taí um filme de ação quase perfeito, e Jamie Lee Curtis é melhor que qualquer sidekick do herói. A cena do strip-tease é impagável. A primeira da lista ‘mulheres de James Cameron‘.

9- Sean Astin em O SENHOR DOS ANÉIS: O RETORNO DO REI

A série de Peter Jackson sempre dá espaço pra cada ator brilhar em determinado momento, mas não há como negar que o terceiro filme é Sam Gamgee – um papel que parecia ser terrivelmente irritante (como parecia indicar A SOCIEDADE DO ANEL) termina com a redenção de “I may not carry the ring for you, but I can carry you.”

8- Joan Allen em A SUPREMACIA BOURNE e O ULTIMATO BOURNE

Naquele que poderia ser o típico papel da ‘bitch’, Joan Allen dá o revés e interpreta com uma verve de fazer inveja à Glenn Close – e ninguém lê aqueles diálogos rápidos como ela. Porque ela não participou de GILMORE GIRLS?

7- Alan Rickman na série HARRY POTTER 

Consegue o milagre de criar um personagem ‘seu’ ao mesmo tempo sendo fiel ao livro. E aquele tom de voz e o sneer são um charme só.

6- Ian McKellen em X2

Falando em charme…Adoro as ironias do Magneto no filme, mas o mais surpreendente é que nunca cai na auto-paródia. Existe coisa mais divertida que a batidinha no capacete que ele dá enquanto todos os mutantes estão tendo o cérebro destruído?

163929983_852c428410_o.jpg


5- Linda Hamilton em T2

Ainda na série ‘mulheres de James Cameron‘, sempre achei que Linda Hamilton merecia tudo e mais um pouco pela performance visceral na série EXTERMINADOR DO FUTURO, em especial o segundo filme. Sua Sarah Connor é uma das grandes heroínas do cinema, e apenas a cena em que ela cai no chão quando vê o Schwarzenegger saindo do elevador atesta o seu talento.

4- Christopher Reeve em SUPERMAN

Melhor do que ver Reeve como o homem de aço é vê-lo como Clark Kent – em especial os momentos em que tenta esconder a sua verdadeira identidade. Num tipo de papel que daria pano pra manga pra atuações esquizofrênicas, ele soube manter a sutileza.

3- Sigourney Weaver em ALIENS

Terminando a série ‘mulheres de James Cameron‘, temos a maior heroína da história do cinema. Ripley é mulher, mãe, soldado e líder – e Weaver cada uma delas com bravura única para um filme de ação. E preciso mencionar essa cena?

2- Johnny Depp na série PIRATAS DO CARIBE
Em um filme de ação como vários, Depp cria um dos personagens mais marcantes do cinema recente. Numa aposta arriscada, transforma a caricatura em arte, brincando com os limites entre o cômico e o dramático, o exagero e a contenção, o gay e o machão, o herói de ação e o covarde – e dá certo.

1- Michelle Pfeiffer em BATMAN O RETORNO

Com uma profundidade psicológica insuspeita para filmes desse tipo, Michelle Pfeiffer faz da Mulher-Gato um ícone quase patético das desilusões amorosas. É a ‘anti-vilã’, talvez a mais bem definida da longa lista na cinematografia de Tim Burton. Mas nos momentos em que não está vestida de vinil preto é que assusta ainda mais. O maior exemplo talvez esteja em uma das minhas cenas favoritas de todos os tempos, em que o misto de loucura e desilusão estampado no rosto de Pfeiffer mostra que a máscara de Mulher-Gato é apenas mais uma das várias que a personagem tem de vestir.

350px-michellepfeiffercatwoman.jpg

 (Anderson)

Advertisements
Esta entrada foi publicada em 24 quadros por segundo, Top Ten. ligação permanente.

2 respostas a Top Ten – Atuações em blockbuster

  1. Pingback: Rosebud é o Trenó! | O blog pra quem sabe que Norman Bates é a mãe, o Bruce Willis está morto no final, Tyler Durden é coisa da sua cabeça e, claro, Rosebud é o trenó!

  2. Ótima lista. Concordo especialmente com Linda Hamilton (também me indigno com ela não ter sido lembrada em premiações mais importantes), Alan Rickman (meu personagem favorito na franquia, rsrs) e Sigourney Weaver (e, no segundo BATMAN de Burton, Pfeiffer arrasa mesmo). E, como já temos O CAVALEIRO DAS TREVAS… Ledger, extraordinário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s